Subscreva a nossa newsletter:
O descrédito dos partidos é o descrédito da democracia.
(…) Trabalhar para o descrédito dos partidos é trabalhar para o descrédito da democracia, já que não há democracia sem partidos.
Francisco Sá Carneiro, 28-01-1976